Livia Emily - Agradecimento à solitude
Agradecimento à solitude
Cada vez que chego em casa e só tenho a companhia dos meus gatos, eu me lembro de agradecer. A cada domingo que eu acordo às dez da manhã e almoço às três horas da tarde, eu me lembro de agradecer. A cada vez que desisto de sair de última hora, eu me lembro de agradecer. A cada vez que tô desfilando pela casa de calcinha e sutiã, eu me lembro de agradecer. A cada noite que me espalho na cama porque meu colchão tão macio está lá só para mim, eu me lembro de agradecer. A cada banho demorado, eu me lembro de agradecer. A cada vinho suave degustado na companhia do meu livro favorito, eu me lembro de agradecer. A cada dia tedioso que eu posso ficar de preguiça, sem culpa, sem olhares, sem comentários, sem julgamentos, eu me lembro de agradecer. A cada refeição preparada, quando penso que a única que devo agradar com tal sabor, sou eu mesma, eu me lembro de agradecer. A cada dinheiro gasto com coisas que me satisfazem, eu me lembro de agradecer. A cada skincare bizarro que eu faço porque encontrei dicas na internet, eu me lembro de agradecer. A cada noite de insônia, assistindo séries no volume máximo, eu me lembro de agradecer. A cada "não" dito, eu me lembro de agradecer. A cada caminho que escolho seguir após consultar somente minha própria intuição, eu me lembro de agradecer. A cada novo café feito só para mim, eu me lembro de agradecer. Eu agradeço. Agradeço a mim. Agradeço a minha história. Agradeço a minha força. Agradeço a minha paciência. Eu só agradeço, pela paz que hoje tenho, pela magnitude do meu ser, que só se mostrou porque eu me permiti ser solidão. Agora, é necessário ser mais atraente que eu para me levar embora de mim e me conhecendo tão bem como tenho me conhecido nos últimos tempos, eu garanto, é impossível.

Autor(a): Livia Emily

Data da Publicação: 10 de Julho de 2020.

Deixe seu comentário
Livia Emily - Magia e Vida
Copyright © 2020 - Livia Emily - Todos os direitos reservado. Desenvolvido por Wanderson Moreira